Quarta, 14 de Abril de 2021
35 99846-1246
Nossos Versos Ideia fluir

Se custa sua paz é caro demais

Esse é o vigésimo primeiro artigo da série Reflexões – uma vida em movimento, escrito exclusivamente para o Primeira Leitura.

09/03/2021 19h31
909
Por: Primeira Leitura | Redação Fonte: Inaê Leandro
(Imagem: Pixabay)
(Imagem: Pixabay)

De autoria desconhecida, essa frase tem rodado as redes sociais há muito tempo – Se custa sua paz é caro demais.

Você já notou o quão verdadeiras são as palavras que a compõem? 

Pense por um momento em tudo aquilo que tira sua paz – relacionamentos, ambientes, assuntos, trabalho...Sem dúvida todos nós temos coisas, situações ou pessoas em nossas vidas que nos tiram a paz. Já percebeu?

E a pergunta que sempre me faço é “será que vale a pena?”. Será que vale a pena perder a nossa paz em troca de relacionamentos? 

Será que vale a pena perder a nossa paz em troca do nosso trabalho atual? 

Será que vale a pena ter o que temos e não ter paz? 

Qual o preço da sua paz? Você já se perguntou isso?

É uma reflexão dura essa, não é? Principalmente porque identificamos muitas coisas que custam caro demais, porque custam a nossa paz, porém, temos receio de mudar.

Muitas vezes identificamos que o que nos tira a paz é nosso(a) companheiro (a), mas tememos pelo fim do relacionamento porque supomos que ficaremos sozinhos (as) para sempre, que nunca mais encontraremos alguém.

Outras vezes conseguimos identificar que é o nosso ambiente de trabalho que nos tira a paz, mas receosos de nunca encontrar outro trabalho, vamos suportando mais e mais dias, que literalmente ceifam nossa energia e vontade de viver.

A verdade é que algumas coisas precisam ir, para que outras possam vir. Outros relacionamentos virão, outros empregos chegarão, outras cidades podemos conhecer...

É bem verdade que falar tudo isso aqui é bem mais fácil que pedir demissão de um trabalho que precisamos para sustentar nossa família ou colocar fim em um relacionamento de anos.

Porém, há sempre um jeito. Há um jeito para tudo na vida. Não há cadeados sem chaves, assim como não há problemas sem solução.

Por vezes, o que nos falta é identificar o problema. Após identificado, podemos traçar um caminho que seguiremos para solucioná-lo. Se o seu emprego lhe desagrada, por exemplo, busque colocar suas obrigações financeiras em dia, prepare um novo currículo, se dê um prazo para mudar. 

Se o relacionamento que estamos nos tira a paz, devemos ver se ainda vale a pena tentar mudar e melhorar, e se não valer, é agradecer pelo aprendizado e seguir.

Temos apego a tudo aquilo que já estamos acostumados não é mesmo? E nos sentimos totalmente despreparados para o novo. No artigo anterior dessa série, inclusive falamos sobre não estar pronto para a primeira vez das coisas em nossas vidas. E realmente não estamos.

Porém, lembrem-se de que você não estava pronto para o primeiro dia de trabalho em seu emprego atual, por exemplo.

Tudo na vida é questão de prática constante. Vamos aprender outro ofício, aprenderemos amar outra pessoa, gostaremos de outras cidades, conheceremos outras pessoas.

Fácil? Não! Mas totalmente possível.

Analise cuidadosamente sua vida hoje e veja o que lhe tira a paz. Tudo que tira sua paz é caro demais.

E que não tenhamos medo da mudança, afinal, a única coisa constante na natureza é a mudança.

 

*Coluna Re-Pense. Primeira Leitura. | Texto escrito por Inaê Leandro. Todos os direitos reservados.

**O texto é de responsabilidade do autor e não representa a opinião do Primeira Leitura.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
RE-PENSE
Sobre RE-PENSE
Blog autoral de reflexões pessoais. Inaê Leandro é campo-belense e foi finalista do Prêmio Jovem Senador, do Senado Federal, em 2013. É formada em Administração e fez o curso técnico em Segurança do Trabalho. Possui MBA em Economia Financeira e é autora de dois livros: Eu Construtor de Mim (2016) e rePENSe (2018). Foi escritora e tradutora da More Good Foundation no Brasil por mais de 3 anos. Atualmente escreve para o Family Search no Brasil e ainda é Ciclista, praticante de Yoga e meditação.
Campo Belo - MG
Atualizado às 00h42 - Fonte: Climatempo
19°
Muitas nuvens

Mín. 16° Máx. 26°

19° Sensação
16 km/h Vento
86.3% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (15/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens
Sexta (16/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens
Mais lidas
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias