Sábado, 28 de Novembro de 2020
35 99846-1246
Gerais Essencial

Chamando Deus de Pai

"Se vós, pois, que sois maus, sabeis dar boas coisas a vossos filhos, quanto mais vosso Pai celeste dará boas coisas aos que lhe pedirem." (Mt 7, 11)

09/08/2020 08h57
3.300
Por: Primeira Leitura | Redação Fonte: Nathan Casarino
Abraço de pai (Imagem: Pixabay)
Abraço de pai (Imagem: Pixabay)

Hoje celebra-se o dia dos pais. Enquanto buscava, em oração, inspirações para escrever o texto da semana, me deparei com o fato de que muitas pessoas têm dificuldades de chamar Deus de Pai com segurança. Rezam o “Pai Nosso” várias vezes ao dia, mesmo assim, na hora da intimidade, para elas é mais fácil buscarem Jesus e o Espírito Santo.

Claro que isso não é errado e nem ilegítimo, muito pelo contrário, já que Jesus disse “Quem me vê, vê o Pai” (Jo 14,9), mas você já se perguntou o porquê dessa da dificuldade de acessar Deus Pai em oração?

Talvez seja pelo fato de que, às vezes, algumas pessoas têm dificuldade de se relacionar com os seus pais aqui da terra, e a própria palavra “pai” tornou-se um conceito negativo para elas. Talvez seja, outrossim, que algumas outras, por não terem conhecido seus pais ou alguém que suprisse essa presença, não experimentaram uma relação de pai pra filho. Talvez porque na catequese aprendemos que Deus é um Pai chato que tudo vê e que tudo castiga. E talvez não seja nada disso, até porque muitas pessoas que tem pais exemplares também expressam a mesma dificuldade. 

Mas, interessante... A parábola que exprime mais amor em todo o Evangelho de Jesus é a parábola do Pai misericordioso, ou mais conhecida como a parábola do filho pródigo. Interessante que os versos mais cheios de misericórdia da Bíblia, Jesus fala do Pai, não dele mesmo e nem do Espírito Santo.

Sei que você já a conhece, mas convido você a fazer sua leitura hoje novamente. Ela se encontra no capítulo 15, versículo 11 e seguintes do evangelho de São Lucas. Lá nós vamos conhecer verdadeiramente quem é Deus Pai. Não o Pai durão da catequese, mas o Pai que “para o mundo” para receber um filho de volta em casa.

Portanto, onde e como este texto te alcança, volta! O Pai te ama! O Pai te espera, com anéis para depositar nos seus dedos, sandálias para calçar os teus pés e para te cobrir de beijos e abraços, festejando teu retorno.

E assim reconheça que, no fim das contas, hoje não é somente dia dos pais na terra, é dia dos pais também no céu.

 

*Coluna Essencial. Primeira Leitura. | Texto escrito por Nathan Casarino. Todos os direitos reservados.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
ESSENCIAL
Sobre ESSENCIAL
Esta coluna objetiva tratar de Espiritualidade e Catolicismo. O autor, Nathan Casarino, é Advogado com especialização em Direito Processual Civil. Natural de Campo Belo/ MG é também cantor, compositor e membro da Comunidade Luz e Vida, onde estuda e exerce ofícios na área de espiritualidade há 15 anos. É ainda coautor de dois livros de natureza religiosa.
Campo Belo - MG
Atualizado às 18h44 - Fonte: Climatempo
28°
Poucas nuvens

Mín. 18° Máx. 31°

29° Sensação
12 km/h Vento
55.2% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (29/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 30°

Sol com algumas nuvens
Segunda (30/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 31°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Mais lidas
Ele1 - Criar site de notícias